24 outubro 2008

Novo trecho da Avenida João Paulo II





A história se faz aqui e agora. Para a maioria das crianças de Foz do Iguaçu, capital turística do Paraná, "terra roxa" é coisa do passado. É coisa de fotografias da época da colonização. As fotos que disponibilizo nesta postagem foram tiradas hoje (24/10) e mostram os trabalhos - temporariamente interrompidos - na parte final da Avenida João Paulo II (JP II) que deverá ligar a Avenida Costa e Silva à Avenida das Cataratas. Há placas indicativas sobre o trabalho em vários locais. São pelos menos dois lotes de estrada autorizados pelo Governo Federal. Sendo assim creio que tudo deve estar nos conformes. As autorizaçôes ambientais devem estar nas mãos dos executores. Assim sendo, não estou reclamando nada.

O que não me cega da triste realidade de que esses últimos pequenos cantinhos verdes de Foz do Iguaçu estão desaparecendo. Ao desembocar na Avenida das Cataratas, digamos assim, na quadra do Hotel Bourbon, a nova estrada deverá demandar mais obras de engenharia. As autoridades deverão ter planejado um novo trevo, novos canteiros, viadutos ou seja lá o que for necessário. Logo à frente do local da desembocadura da estrada, há um condomínio fechado.

Só uma pergunta insiste em ser formada na minha cabeça: isso tudo está planejado? Estaremos criando novos "infernos" no que se refere ao trânsito, na hora do rush ou do pega-pra-capá? Dois pontos me parecem promissores para futuros funis. O cruzamento da nova avenida JP II com a Avenida Felipe Wandscheer e, mais adiante na desembocadura da Avenida do Papa com a Avenida das Cataratas. Repito: está tudo planejado? Todo mundo sabe o que está fazendo?

Pensaram no turismo? A Avenida das Cataratas ainda é Corredor Turístico? E, caso seja, não deve um corredor ter tratamento especial? A Avenida das Cataratas como corredor turístico não é parte das ferramentas de trabalho da cidade? Não é parte dos "meios de produção"? O trade está consciente do que está acontecendo? Está todo mundo ligado? Bem, tendo dado o recado, recomendo que disfrute as fotos deste momento único - desta despedida deste pedacinho de Foz. Colocarei mais fotos no Blog de Foz.

Nenhum comentário:

Hora Mundial