26 outubro 2006

Baleia e o Turismo

O Greenpeace desencadeou uma campanha mundial pela preservação da baleia. Nos últimos anos, o trade turístico da Islândia tem adotado a pratica de observação de baleias e o setor já gera muito emprego e renda. Em vez de pedir o boicote do turismo islandês, ou boicote à Islândia, o Greenpeace adotou uma outra política. É a mesmao que este Blog adota e defende. Ajudar o trade turístico da Islândia. O Greenpeace criou uma espécie de "Promessa". Possíveis clientes do turismo podem escrvever para o Governo da Islândia dizendo, mais ou menos, "... eu prometo que se o Governo suspender a caça da baleia, eu visitarei a Islândia...etc. O texto completo está AQUI. O Greenpeace anunciou que a quantidade de "promessas" feitas pela campanha, representaria negócios na ordem de 80 milhões de dólares. Segundo o Greenpeace, a caça à baleia, em sua época de ouro gerava no máximo US$ 4 milhões por ano. A técnica é convencer pelo bolso. Cópia do pedido deve ser enviada a Icelandic Travel Industry Association - a ABAV islandesa.
O texto da mensagem que deve ser enviada em inglês é este:
“I would seriously consider taking a vacation in Iceland rather than somewhere else if the Government of Iceland stopped whaling. I would be willing to receive an email about the options available for Icelandic tourism, an email that would be sent to me if the Government of Iceland ends its whaling program.”
O turismo sem meio ambiente está morto! Por isso o trade deveria ser ambientalista!

Nenhum comentário:

Hora Mundial