13 novembro 2006

Nova Era e a dor de dente

O prefeito de Alto Paraíso de Goiás, Jair Pereira Barbosa, 66 anos, evangélico sofre tentando dar voz às forças políticas da cidade. É uma tarefa inglória. São cerca de 80 organizações não-governamentais (ONGs) formadas pelo batalhão de pessoas que deixaram os centros urbanos para ali fincar suas bandeiras.
Há associações de todos os tipos instaladas dentro de suas fronteiras - desde o tradicional Rotary Club até os enigmáticos Instituto Quinta Essência, Fundação Ordem Santo Graal - Cavaleiros de Maytréia ou a Associação Cúpulas de Saint Germain. É comum bares e padarias abrigar reuniões da Sociedade Espírita Irmã Sheila ou da Associação de Amigos e Pais de Portadores de Necessidades Especiais, por exemplo. Leia mais sobre o esoturismo neste na revista
ÉPOCA
Alto Paraíso de Goiás é o centro do crescente esoturismo - ou turismo esotérico. É uma espécie de turismo que tenho incentivado para outras áreas do Brasil, como nas Cataratas do Iguaçu.
Alguns leitores do Notas do Turismo diseram que se divertiram com o prefeito evangélico e sua democrática agenda. Digo isso porque vi espalhado pelas ruas de Foz do Iguaçu, um folheto "fundamentalista" cristão, made in Niterói, falando mal da Nova Era. Em parte o folheto diz: "A Nova Era propõe uma religião mundial sem compromiso...muita liberdade e nada de uma consciência para ser afligida pela violação de princípios morais, éticos ou espirituais..." Entendeu? Aí pergunto: para que eu quero uma consciência para me afligir? Eu preciso de consciência para me ajudar a me elevar. É o mesmo que dizer eu preciso de um dente para doer. É por isso que eu declaro o prefeito Jair Pereira Barbosa, um gênio. Viva Alto Paraíso de Goiás e a Chapada dos Veadeiros!

Nenhum comentário:

Hora Mundial