05 julho 2009

Famtour a Salta e Jujuy (Argentina): detalhes técnicos ou Making of do FAMTOUR II


Adrian Irigoitia, o guia, no Pukará de Tilcara

Esta é a segunda parte da cobertura do FAMTOUR / FAMPRESS a Salta e Jujuy. Nesta postagem eu quero prestar uma homenagem e meus agradecimentos às agências de viagem que atenderam ao grupo em todo o trajeto. Os colegas de Foz do Iguaçu, Cascavel, Pato Branco e Toledo se encontraram no Hotel Suíça em Foz do Iguaçu. A partir daí fomos levados ao Complexo Aduaneiro-Migratório do dois lados da fronteira. Isso deu uma idéia do trabalho cotidiano das agências de viagens com seus guias na fronteira. Fomos levados em ônibus da EB até o Aeroporto Internacional Cataratas del Iguazú em Puerto Iguazú. De lá embarcamos no MD-82 da Andes para Salta.

Em Salta, já no Aeroporto fomos recebidos por Walter Mejide da agência Paisajes del Noroeste quem tem sede em Jujuy. DE lá fomos direto para San Salvador de Jujuy. Lá encontramos mais um guia da empresa. Estou falando de Adrián Irigoitia, filho de pai vasco com mãe de Entre Rios. Adrián já comanda um bom português e é dono de uma boa coleção de CDS e ele parece saber quando coloca as músicas corretas na hora certa. Quando estávamos subindo a Cuesta de Lipán, naquela estrada que serpenteia, e Jujuy se apresenta com todas as cores do universo, ele colocou a música Jujeña de Mônica Pantoja. Graças a Adrián, passamos a conhecer esta cantora de Jujuy que no cotidiano é professora no ensino básico. Obrigado a Walter Mejide e Adrián por toda a informação e batismo em assuntos de Jujuy. Quer escutar música de Jujuy? Aqui! Ou Aqui para escutar a música que nós escutamos na van! Acrescente sua imaginação e escute o vento do norte batendo de frente no rosto enquanto um gavião levanta o voo!


A Paisajes del Noroeste oferece mais de 14 excursões regulares a partir de Jujuy. Eu demonstrei interesse em saber se havia excursões um pouco fora do comum para viajantes mais aventureiros e mais inquiridores. Um pouco antes de sair Walter Mejide me deu um folhetinho que tinha a minha resposta. Ele oferece ainda um Circuito Solidário de Turismo Aventura que passa pelos mesmos lugares com outro enfoque. São toda espécie de excursões e possibilidades que atendem sob o nome de Tuismo Solidário ou Turismo Rural de Base Comunitária. Abra o olho! Estamos falando de tendências muito fortes de turismo aqui !!!

Guias e estrutura de Salta

A empresa de Turismo que dirigiu todo o nosso trajeto aqui se chama UMA Travel. Ramiro Díaz, um executivo da empresa que eu encontre em Foz semanas antes no Festival de Turismo das Cataratas, me explicou que UMA significa Cume, Cima, Topo de montanha. Na equipe da UMA me lembro do guia Guillermo Torrens. Viajamos em três carros. Uma Van, uma camionete 4 X 4 com carroceria que levava as malas e um carro menor. Guillermo soube esclarecer e decifrar aquele emaranhado de novas palavras em antropologia, geologia, geografia e sociedade inclusive informações sobre o desenrolar das eleições e a vida política e cultural de Salta.

No final e já no Hotel del Dique a equipe da UMA e os viajantes mais jovens fizeram um campeonato de pimbolim no hotel. Uma das coisas mais acertadas neste FAMTOUR foi a presença de fotógrafos e profissionais do vídeo. Destaco Marcos Labanca do site H2Foz, Christian Gizzi da Cazeta do Povo, Tonico Lopes e Eliana Luz da Comunicação Social da Prefeitura de Foz do Iguaçu. E esses são só os de Foz. Foz do Iguaçu está apoiando oficialmente este corredor entre O Noroeste Argentino e as Cataratas do Iguaçu.

Nenhum comentário:

Hora Mundial