22 janeiro 2010

Noticias comparadas: números do turismo em 2009

Olá bom dia, coloco abaixo duas noticias sobre o balanço do turismo brasileiro em 2009. E aí? Foi bom ou ruim? Compare as duas. As duas são a mesma noticia. Mesmo relatório. Só mudaram os focos:


Primeira Noticia / Foco Econômico
2009 Terminou com dficit de turismo
Foi o maior rombo da conta de turismo da série iniciada em 1947

O ano de 2009 terminou com o maior déficit da conta de viagens internacionais da história. Dados do Banco Central mostram que o gasto de brasileiros em passeios em outros países superou em US$ 5,59 bilhões a receita obtida com viajantes estrangeiros no Brasil.
Foi o maior rombo da conta de turismo da série iniciada em 1947.

No ano influenciado pela crise financeira, o gasto no exterior teve leve queda de 0,6% na comparação com o ano anterior e somou US$ 10,89 bilhões. Os turistas brasileiros gastaram US$ 20,7 mil em cada minuto do ano passado ou US$ 346 a cada segundo em viagens externas. Apesar da redução, a conta de turismo teve o pior resultado da história porque, ao mesmo tempo, a receita obtida com estrangeiros em visita ao Brasil recuou 8% e atingiu US$ 5,3 bilhões.

"Em um ano de recuperação da economia e aumento da renda, as viagens crescem. Por isso, o déficit deve avançar novamente em 2010", diz o chefe do Departamento Econômico do BC, Altamir Lopes. O BC espera que o déficit da conta turismo aumente 25% e atinja US$ 7 bilhões, o que seria novo recorde.
Fonte AE / Último Segundo

Segunda Noticia /
Foco Embratur / Governo Oba! Tá tudo bom!

Em destaque
Turistas estrangeiros injetam R$ 5,3 bilhões na economia


Os turistras estrangeiros que visitaram o Brasil em 2009, injetaram R$ 5,3 bilhões na economia nacional. Este é o segundo maior volume de divisas acumulado com o turismo desde 1947. Os dados são do Banco Central (BC) e foram divulgados pela Embratur.

"O resultado de 2009 é o segundo melhor da série histórica do Banco Central, em um ano em que o turismo internacional sofreu as consequências da crise mundial, que atingiu fortemente os países que são os principais emissores do mundo, em particular os europeus", avalia a presidente da Embratur Jeanine Pires, que recebeu a notícia em Madri, onde participa da Fitur (Feria Internacional de Turismo).

O crescimento na entrada de divisas por meio do turismo internacional foi de 114% comparado a 2003 - ano em que a Embratur passou a realizar o trabalho de promoção turística internacional com foco no aumento da permanência e do gasto dos turistas estrangeiros no Brasil.

"Chegamos a 2010 com esta evolução positiva na entrada de divisas em relação a 2003, o que é um resultado excepcional, comparado com a maioria dos países do mundo", disse a presidente da Embratur.

O valor registrado em 2009 só é menor (8%) do que o acumulado em 2008, quando U$ 5,78 bilhões ingressaram no País pelo turismo internacional. Em dezembro, o ingresso foi de US$ 516 milhões, valor 1,95% menor do que o mesmo mês de 2008 – o que faz com que dezembro de 2009 também registre o segundo melhor resultado para o mês em toda a série histórica.

Já os gastos de brasileiros no exterior em 2009 somaram U$ 10,89 bilhões, o que significa uma ligeira queda em relação a 2008: - 0,59%. O cálculo do Banco Central inclui trocas cambiais oficiais e gastos em cartões de crédito internacional.

Fonte: Agência Brasil via JFMG

Hora Mundial