21 março 2007

Dia da Água

I

Amanhã o Mundo se lembra da água! Que pena que haja tanta demagogia! Desde que a Terra é terra, a Natureza não criou uma gota de água nova sequer. Existe a mesma quantidade de água. A água que bebemos hoje,no Brasil, já foi bebida pelos dinosauros e já esteve na China, Japão, Rarotonga etc. O que está errado é que nos últimos 100 anos, decidimos usar os rios como meio de transporte ou destino final de esgotos de vários tipos. Assim estamos sujando em 100 anos o que a Natureza precisa de um milhão, 10 milhões de anos para reciclar. Um zero grande para o que o sistema chama de saneamento!

II

Peço que acompanhe o caso do Resort Snowbowl do Arizona (nota anterior) que vive fechado por falta de neve. Por desespero o empreendimento pensou em produzir neve "artificial". Os contrários à proposta a chama de neve "falsa" feita de água de esgoto. Pense nisso. Reflita. O que será de Foz do Iguaçu fará se as Cataratas secarem por períodos mais longos? É impossível?

III

Este site traz uma proposta interessante. Pessoas conscientes em Buenos Aires estão liderando uma idéia para mudar o nome do Río de la Plata para Río de la Vida. Acesse o site e se gostar da idéia vote pela mudança. Conheça um pouco da história dos nomes do "rio". Lá tem números sobre a esculhambação da poluição no Rio de la Plata. Mas lembre também que, ao pé da letra, o Río de la Plata não existe. Este é o nome da desembocadura do Rio Paraná. E esta semana circulou um estudo no mundo avisando que o Río que banha Buenos Aires e a Costa Uruguaia, está em perigo. Um dos motivos é a abundância de hidrelétricas!

IV

Quem está indo para as cucuias também é o rio Madeira. Serão duas hidrelétricas para fomentar o crescimento "sustentável" e "melhorar" a vida das populações locais e corrigir a Natureza eliminando as corredeiras abaixo de Porto Velho, possibilitando a navegação, transporte de grãos e, imaginem?!!!! - "ecoturismo". Afirma-se que a Bolívia também está interessada em fazer hidrelétricas nos rios Beni e Mamoré. Leia você mesmo a nota de Furnas e detecte, se for capaz, a falsidade do discurso / ideologia no texto. Assim, no Dia da Água, digo by-bye rios! E Nota Zero para a política nacional da água, do etanol, da segurança, aeroviária, social e tudo mais!

V

A Australia importou camelos na época da colonização para ajudar na conquista. Daí chegou o trem e logo o carro. Os camelos importados foram soltos no sertão. Daí eles se reproduziram no deserto australiano, prosperaram e hoje há mais de 25 mil deles, soltos, livres e felizes. Até agora, pelo menos. O aquecimento global está fazendo os camelos atacarem fazendas em busca de água. Os camelos andam em grupos de 100. É a pior seca em 100 anos.

VI

Atenção pessoal do Turismo na Agricultura Familiar (TRAF). Não faz muito tempo escrevi sobre a organização Acolhida na Colônia - Confira. Recebi uma nota da entidade anunciando um novo site.Sugiro uma visita ao site. Está bonito e é inspirador. Este é um projeto que me anima. Gostaria de conhecê-lo melhor este ano.

Nenhum comentário:

Hora Mundial